2008-10-09

foto&legenda # 427 (lugar e voltas)

Foste um lugar, um lugar apenas. O tempo correu sempre sobre ti, como ainda corre, às voltas, dos crepúsculos às auroras e destas a aqueles. Foste um lugar, um lugar apenas, no carrossel das horas. Nada mais poderei dizer sobre ti, excepto que estou a tentar esquecer-te. A minha diária é diferente da tua, incompleta. À minha diária faltam as horas que não consigo, as horas permanentes e rolantes que sempre deixaste correr sobre ti. Foste um lugar, um lugar apenas. Não levo saudades de ti, não quero levar.
fotografia © Nuno Abreu
legenda © Sérgio Faria

3 comentários:

do zambujal disse...

Por vezes, consegues ser o lugar. Apenas.

José Boldt disse...

meus caros amigos

Concedi-lhes um Prémio lá no Escrever com luz. Vale o que vale, mas foi para assinalar que se pode denunciar as coisas que nos incomodam através de outra Arte que não só a Escrita e os meus amigos consegue fazer isso.

um abraço
José Boldt

sf disse...

muito agradecido pelo prémio, José. muito mesmo. também gostei muito das últimas fotografias de fátima expostas no escrever com luz. receba aí um abraço.