2006-07-03

foto&legenda # 112

O futebol passou por aqui. Mas dizer isto, apenas isto, assim, não chega. É necessário acrescentar a memória e o trauma. O lugar era a baliza. E aos homens mandatados especificamente para a sua vigia chamava-se um nome estranho, guarda-redes.
fotografia © Nuno Abreu
legenda © Sérgio Faria

2 comentários:

Sérgio Ribeiro disse...

Bela foto e bela leganda. O costume, parceiros. Mas sou levado a comentar porque vocês estão a puxar pelas memórias. De quando os postes e as traves eram de madeira, os iamos buscar à serração de Pinhel, as montávamos em S. Sebastião no terreno cedido pelo Silva e onde já passara o cilindro e, nas vésperas dos jogos, por lá passávamos o dia a tirar as pedras maiores e a fazer as marcações com cal.
Gándas jogatanas.
A minha estreia nos Águias foi também (re)estreia do campo recuperado pois o Silvita, lá do Brasil escreveu a pai, muito zangado com ele por ter mandado lavrar o campo que ele deixara para a malta nova que cá ficara, e tivemos de pedir, de novo, o cilindro e as traves e os postes e tudo o que foi preciso, e tudo montar e alisar e tornar jogável.
Foi contra o Seiça e ganhámos 3-1. Lembro tudo tão bem... pois se até meti um golo!

Photoman disse...

Boa Foto!!! Bom trabalho! :)